4ª Maratona Internacional de Idanha – 5º Lugar

Foi no dia 9 de Maio que me desloquei até Idanha a Nova a fim de realizar mais uma expetacular maratona com o meu amigo e colega de equipa Ricardo Teixeira, nuns belos e duros 100kms que arrancavam de Idanha-a-Nova e iam até ao outro lado da Fonteira em Zarza la Mayor com o regresso novamente a Idanha-a-Nova. Uma maratona a reterem no calendário, pois de facto é mesmo exetacular, com pelo menos 15kms em single track à beira do Rio.

Quanto a prova…

Era um dia particularmente estranho para mim, pois para alem de não estar muito motivado, não me estava a sentir tão bem quanto devia e demorei a concentrar-me na prova cometendo vários erros, já o meu amigo Ricardo Teixeira notava-se que estava com bastante vontade de pedalar.

Foi fácil o posicionamento inicial uma vez que descemos a calçada todos em conjunto e devagar visto esta estar com muito areão e tornar-se bastante prerigosa de realizar. A partida real foi realizada a um ritmo bastante bom em estrada e quando entramos em terra os cavalos foram soltos e lá fomos nós a um ritmo assustador. Como já referi cometi alguns erros, estava muito desconcentrado na prova e nem as fitas para o caminho certo via, parecia que levava 2 palas nos olhos.

Manti-me no grupo da frente até aos 40kms sempre com um José Silva potêntissimo a desaparecer do grupo nas subidas. Ao km 40 tive 1 furo na roda de trás mas felizmente o selante cumpriu o seu trabalho. Ao Km 45 decidi então que estava na alura de acalmar os cavalos pois as pilhas não tavam habituadas a tantos Kms, mas ao kms 50 já me encontrava no grupo da frente novamente, pois consegui colar na descida super técnica em calçada. Ao Km 60 descolei novamente e fui perdendo posições até o Ricardo me apanhar +/- ao km 65(pois tinha ficado para trás no inicio do Single track a regar as alfaces). O homem vinha com um ritmo endiabrado mas lá esperou por mimª(um pouco), mas chegou uma altura que o ritmo já não era para mim e tive que ficar para trás. Os ultimos 10 kms foram a penar contando kms a km… o empeno já se notava e bem, as pernas já não reagiam como cria, apenas na calçada consegui impor um ritmo bom mas mesmo assim não chegou para me aproximar do Ricardo que ainda me deu + 2 minutos.

Foi mais uma prova de treino e preparação e sobretudo mais uma para aprendisagem de coisas que já me tinha esquecido que não se devem fazer em longas distâncias.

Fotos para breve… Boas pedaladas

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s